Diogo Filipe

Diogo Filipe

SIC

O episódio deste domingo, 18 de abril, do Hell’s Kitchen Portugal foi marcado por muita tensão na cozinha e três expulsões. Disseram adeus à competição a Dona Ana, o Ricardo e a Jennifer.

Mas foi Diogo Filipe quem protagonizou um dos momentos mais tensos da noite, ainda antes de arrancar a preparação para o serviço. O chef Ljubomir Stanisic submeteu os concorrentes a uma prova cega e o cozinheiro do Barreiro, que se debateu com problemas de consumo de drogas no passado e ainda hoje lida com as consequências, como as mãos a tremer excessivamente, por exemplo, acabou por falhar por estar de ressaca.

O objetivo era testar o palato de nariz tapado e olhos vendados, mas Diogo não conseguiu identificar os ingredientes principais dos purés que provou e foi chamado à atenção. "O meu estado de espírito está um bocado em baixo, portei-me mal na minha folga", começou por dizer. "Não estou fixe. Bebi duas garrafas de vinho, talvez três. Estou desiludido comigo próprio, espiritualmente não estou bem", explicou ainda, antes de esclarecer: “Eu não bebi no trabalho, estava de folga. Mas devia ter tido consciência que não o devia ter feito porque hoje não ia conseguir estar no meu melhor".

Implacável, Ljubomir Stanisic afirmou: “Não vale a pena fazermos mais, perdeste a prova”.

Veja o vídeo desse momento: