António Cordeiro com a mulher, Helena Almeida

António Cordeiro com a mulher, Helena Almeida

Instagram

De regresso à Casa do Artista, onde está internado desde abril deste ano, depois de uma passagem pelo hospital devido a uma pneumonia bacteriana que o deixou entre a vida e a morte, António Cordeiro, de 61 anos, está a retomar as suas rotinas.

“O António não está pior, o António não está melhor, o António está na mesma. Continuamos na luta em que sempre estivemos”, explica a sua mulher, Helena Almeida, à revista TV7 Dias, antes de acrescentar que “a nível cognitivo está tudo bem”, até porque a doença – Paralisia Supranuclear Progressiva diagnosticada há quatro anos – afeta “essencialmente a parte muscular”.

>> JOSÉ RAPOSO DEFENDE MULHER DE ANTÓNIO CORDEIRO, FORTEMENTE CRITICADA POR INTERNAR O ATOR: "É UMA GUERREIRA"

António Cordeiro

António Cordeiro

SIC

Quanto à pneumonia, que o manteve sob prognóstico reservado cerca de duas semanas, a sua mulher explica: “Disseram-me várias vezes que o António não ia sobreviver. Inclusive, disseram-me que, se houvesse uma paragem cardiorrespiratória, não o reanimariam devido à doença dele. Passei os meus dias à porta do hospital (…) Mas algo me dizia que o António ia dar a volta a isto. Não desejo a ninguém as noites que passei em casa”.

Embora esteja bastante debilitado fisicamente, o ator tem-se mostrado um lutador: “Uma vez que a doença é extremamente oportunista, a parte muscular foi toda abaixo. Indo toda abaixo, o António perdeu a capacidade de andar. De há alguns meses para cá, voltou a fazer neurofisioterapia e já consegue ficar de pé. Agarrado às barras da fisioterapia, o António também já consegue começar a andar, com ajuda”.

>> MULHER DE ANTÓNIO CORDEIRO OBRIGADA A INTERNAR O ATOR: “EU NÃO AGUENTAVA MAIS”

Helena Almeida e António Cordeiro

Helena Almeida e António Cordeiro

Reprodução Facebook, DR

Além disso, a mudança para o lar residencial da Casa do Artista trouxe melhorias à vida diária do ator, como revela a sua mulher à mesma publicação. “Quando o António estava em casa, eu estava muito aflita, porque ele se estava a engasgar muito. Neste momento, ele não se está a engasgar. Tínhamos de ter o cuidado de lhe dar comida mais passada e, agora, o António está a alimentar-se com a mesma comida que qualquer um de nós come, o que é ótimo”, explica.

Nesta entrevista, Helena Almeida voltou a referir que António Cordeiro só fala quando quer e que nem ela nem os especialistas que o acompanham percebem por que razão às vezes deixa de o fazer repentinamente.

>> MULHER DE ANTÓNIO CORDEIRO AFIRMA: “VEJO MUITA REVOLTA NOS OLHOS DELE”

Uma vez que não tiveram filhos, o ator tem na mulher o seu maior apoio e a própria revela que os pais de António Cordeiro, devido à idade bastante avançada, ainda não tiveram a oportunidade de visitar o filho devido a todas as restrições impostas pela Covid-19. “Não sou a supermulher, não sei até quando consigo aguentar isto, mas, enquanto conseguir, vou fazendo”, remata Helena Almeida, assumindo uma grande mágoa pelas críticas que ouviu quando decidiu internar o marido. Saiba mais AQUI!