Getty Images

E parece que a relação de Kanye West e Kim Kardashian continua a dar que falar após as declarações polémicas do rapper. Recentemente, a 'socialite' e o marido foram vistos a sair de um restaurante e a entrar num carro onde Kim foi fotografada a chorar.

De acordo com a People, Justin Bieber esteve no rancho do artista com a esposa, Hailey Baldwin, esta sexta-feira , dia 24 de julho, e disse que Kanye precisava de ter uma conversa com a mulher. Recorde-se que o rapper estaria a tentar evitar a empresária, e mãe dos seus quatro filhos, desde os seus comentários durante o comício e no Twitter, onde referiu que estava a tentar divorciar-se de Kim há quase dois anos.

Kanye West parade atender as chamadas e de responder às mensagens da esposa, deixando Kim "profundamente magoada", como contou uma fonte à revista. No entanto, as coisas mudaram: "Kanye não queria enfrentar Kim. Ele não se importa de estar num espetáculo público, mas evita conflitos quando está assim. Ele sabe que a decepcionou e isso mata-o", revelou.

Foi então que Justin convenceu o rapper, que acabou por enviar uma mensagem a Kim para pedir desculpa por ter "divulgado publicamente algo que era um assunto privado".

Ela ama-o, mas sabe que não é saudável para ela ficar com ele agora, e honestamente não é saudável para as crianças. Ele precisa de se equilibrar antes que possa ser qualquer tipo de parceiro ou pai", disse a mesma fonte. Na terça-feira, Kim já estava de volta à Califórnia sozinha.

Justin Bieber "quer ter certeza de que Kanye está bem", principalmente por causa da sua própria história de batalha com saúde mental, e por isso tem sido "extremamente solidário" para com o rapper.