Nada ficou de fora na entrevista explosiva de Meghan e Harry a Oprah. Além de revelar o sexo do bebé, Meghan Markle assumiu que pensou em suicídio ,que Kate Middleton a fez chorar antes do casamento e acusou a família real de racismo. O Palácio de Buckingham emitiu esta terça-feira, dia 9, um comunicado após as alegações do casal.

Isabel II manifestou a sua tristeza ao saber todos os pormenores revelados por Harry e Meghan Markle e um dos assuntos abordados captou ainda mais a sua atenção.

"Os assuntos levantados, particularmente sobre a raça, são preocupantes. Embora algumas memórias possam variar, elas são levadas muito a sério e serão discutidas pela família em privado", começa por dizer a monarca.

"O Harry, a Meghan e o Archie serão sempre membros amados pela família", sublinhou. Recorde-se que através de Oprah, Harry garantiu que a preocupação levantada pela cor do seu bebé, ainda antes de nascer, não foi questionada pela rainha, nem pelo seu marido, o príncipe Filipe.

"A família inteira está triste por saber a extensão total do quão desafiantes foram os últimos anos para o Harry e a Meghan", diz a nota.