José Raposo

José Raposo

Rui Valido

José Raposo e Maria João Abreu foram casados durante mais de duas décadas e tiveram dois filhos: Miguel e Ricardo. Em 2008, a união chegou ao fim, mas a amizade e a cumplicidade nunca se dissiparam. Tanto é que ambos refizeram as suas vidas amorosas – ele ao lado da atriz Sara Barradas e ela com o músico João Soares – e voltaram, juntamente com os filhos e netos, a formar uma nova grande família.

É, por isso, natural que José Raposo, que continuou sempre a trabalhar ao lado da ex-mulher durante estes anos – nomeadamente a formar par romântico - seja das pessoas que mais sente a sua partida prematura, no passado dia 13 de maio, aos 57 anos. O próprio não o esconde. “A fase que estamos a viver não é fácil”, confidencia em entrevista à TV Guia, antes de acrescentar: “Felizmente estou a trabalhar muito e isso ajuda. Ocupa a cabeça”.

Atualmente, o ator está a trabalhar com o filho mais velho, Miguel Raposo, no filme O Pai Tirano e revela que é “maravilhoso” ter esta oportunidade, que já tinha surgido na série da SIC Golpe de Sorte. “Ele é um grande ator”, diz maravilhado.

À mesma publicação, José Raposo conta que a morte de Maria João Abreu uniu ainda mais a família: “Não é que alguma vez tivéssemos estado desunidos, mas de facto tudo o que aconteceu acabou por nos trazer mais perto uns dos outros. Às vezes o trabalho impedia que isso acontecesse, mas agora não, mesmo todos tendo sito e aquilo para fazer há sempre tempo para um telefonema, um jantar, um almoço. Temos essa necessidade”.

José Raposo e Maria João Abreu em cena na série 'Golpe de Sorte', da SIC

José Raposo e Maria João Abreu em cena na série 'Golpe de Sorte', da SIC