Maria Vieira e Sara Sampaio

Maria Vieira e Sara Sampaio

Facebook

A viver nos Estados Unidos há já alguns anos, Sara Sampaio encontra-se atualmente em Portugal e não escondeu a sua indignação ao saber que estava a ser realizado um encontro de militantes do Chega perto da sua casa, no Porto. "Ontem à noite cheirava muito a m**** aqui perto de minha casa. Já percebi porquê... houve um comício do chega aqui ao lado", escreveu na sua conta de Twitter, onde acabou por ser insultada e respondeu à letra. VEJA AQUI!

Ora, quem não gostou de ler estas declarações da top model portuguesa mais internacional da atualidade foi a atriz Maria Vieira, que também recorreu às redes sociais para partilhar a sua opinião. “Esta sirigaita, que é paga para despir e vestir roupa e para pousar seminua e figurar em capas de revistas dirigidas a leitores pouco exigentes, escreveu este pedaço de prosa badalhoca e insultuosa nas redes sociais para obter mais uns ‘likes’ daquelas pessoas mais ou menos tontas que lhe passam cartão”, começou por escrever.

>> CATARINA FURTADO SOBRE INSULTOS DE MARIA VIEIRA: "PRECISA DE AJUDA E NÃO É DE UM PARTIDO"

“É claro que milhares de portugueses, não apenas os simpatizantes, militantes e eleitores do Chega, mas todas as pessoas civilizadas, bem-educadas e decentes, se sentiram surpreendidas, enojadas e insultadas com esta «dedicatória» elaborada por tão delicada criatura, de cujos lábios pintados de encarnado jamais esperariam escutar semelhante vernáculo escarrado”, prosseguiu a comediante, que já é conhecida pelas suas publicações polémicas nas redes sociais.

“Agora, imaginem se tivesse sido eu a autora destas singelas palavrinhas e as tivesse dirigido aos simpatizantes do PS, do PCP ou do BE? O que já teria sido dito pela comunicação social sobre a minha pessoa? E o que diriam os artistas fofinhos e do bem que se incomodam tanto e que tanto criticam as minhas opiniões políticas e a minha severa oposição a este governo que vem destruindo Portugal desde 2015?”, acrescentou Maria Vieira antes de rematar: “Fico agora à espera que aqueles humoristas puxa-saco da Esquerda, do António Costa e do Marcelo [Rebelo de Sousa], que vivem à custa do dinheiro público injetado nas televisões, nas rádios e nos jornais, façam umas graçolas despeitadas sobre estas declarações da Sara Sampaio. Mas acho que vou ter de esperar sentada…”.