LINDSEY PARNABY

Foram feitas revelações inéditas num novo documentário 'Surviving Jeffrey Epstein' sobre o envolvimento do príncipe André na rede de tráfico sexual de Jeffrey Epstein. De acordo com uma ex-modelo, uma amiga sua, que tinha 20 anos na altura, teve relações sexuais com o filho de Isabel II a mandato do bilionário condenado por pedófilia.

Lisa Phillips, de 42 anos, que agora mora em Los Angeles, revelou que na altura confrontou Jeffrey sobre o assunto e este respondeu-lhe que "é bom ter coisas sobre as pessoas", dando assim a entender que tudo não passou de um plano sinistro. A ex-manequim contou que conheceu o bilionário após uma sessão de fotografias nas Caraíbas, há 20 anos, e que foi convidada para ir à sua ilha privada.

"Achei Jeffrey muito charmoso e ele parecia muito porreiro. Eu mencionei que tinha vivido em Inglaterra e ele disse 'Gostavas de conhecer um príncipe?'", disse. Entretanto, Lisa chegou mesmo a conhecer o príncipe André, mas por breves instantes.

Lisa encontrou-se ao longo dos anos com Jeffrey e nunca viu nada de anormal, mas alegou que em 2004 uma amiga sua lhe disse que o bilionário a mandou ir para uma quarto para ter relações sexuais com o príncipe André na casa do bilionário em Nova Iorque.

Victoria Hervey, ex-amiga do príncipe André e Ghislaine Maxwell, terá dito que o bilionário dava ao príncipe André uma forma de escapatória à realidade. "Jeffrey gostou da ideia de ser amigo do filho da rainha e o príncipe André acabava de se divorciar", afirmou.

Fontes próximas do duque de Iorque dizem que as alegações são "infundadas" e que não passam de boatos em quaisquer evidências.