MARK RALSTON

Este domingo, 9 de fevereiro, foi de consagração para Brad Pitt. O ator, de 56 anos, foi galardoado com o óscar de melhor ator secundário pela sua prestação no filme Era Uma Vez em Hollywood.

Num discurso emocionado, Brad Pitt fez questão de mencionar Quentin Tarantino, realizador da película, deixou uma palavra de apreço a Leonardo DiCaprio, com quem partilhou o grande ecrã, e deixou uma dedicatória especial aos seis filhos. "Isto é para os meus filhos, que dão cor a tudo o que eu faço. Adoro-vos", afirmou.

>> O abraço e o reencontro de Brad Pitt e Jennifer Aniston, 15 anos após o divórcio <<

Recorde-se que o ator é pai de Maddox, Pax, Zahara, Shiloh e dos gémeos, Knox e Vivienne, fruto do relacionamento com Angelina Jolie. Os dois atores apaixonaram-se durante as gravações do filme Mr. e Mrs. Smith, quando o ator era casado com Jennifer Aniston. Estiveram juntos durante 14 anos, tendo trocado alianças em 2014. Em 2016, surpreender os fãs ao anunciar a separação.