Boris Spremo

O tema não é novo, mas está novamente a dar que falar na imprensa britânica. Em 1991, a princesa Diana assumiu numa entrevista que a sua relação com o marido, o príncipe Carlos de Inglaterra ficou mais tensa e distante após o nascimento do filho mais novo de ambos, Harry.

Sabendo do desejo do marido de ser pai de uma menina, a ‘princesa do povo’ terá optado por esconder o sexo do bebé que esperava, para que este não ficasse “desapontado”. Contudo, não teve sucesso e não se livrou de um comentário desagradável poucos minutos depois de dar à luz, segundo informa o The Sun.

"Oh Deus, é um rapaz", terá começado por dizer o herdeiro do trono britânico, antes de acrescentar: “Ainda por cima é ruivo”.

Nesta mesma entrevista, Diana confessou que estas palavras fizeram com que passasse a olhar para o então marido de forma diferente e que essa desilusão só se acentuou no dia em que batizaram Harry e o príncipe Carlos desabafou com a sogra. “Ficámos tão desapontados, pensámos que seria uma menina”, terá dito. Algo que a mãe de Lady Di não terá gostado de ouvir, respondendo que o mais importante era ter um filho saudável.

Recorde-se que o príncipe Carlos de Inglaterra e Diana de Gales se casaram a 29 de julho de 1981 e se divorciaram oficialmente em agosto de 1996, quatro anos depois de terem decidido seguir caminhos separados.

Um ano depois, a princesa morreu num acidente de viação em Paris, França.