Reprodução Instagram, DR

Bruna Marquezine e três amigas, Rafa Kalimann, Manu Gavassi e Thelma Assis, decidiram passar a passagem de ano numa ilha privada, cuja localização não foi revelada. Lá também estão pelo menos mais quatro amigos.

O quarteto desembarcou este domingo, dia 27 de dezembro, e tem mostrado nas redes sociais várias fotografias e vídeos no local. No entanto, Bruna tem sido bastante criticada pela decisão.

A atriz decidiu então responder a alguns comentários, negando aglomeração de pessoas. “Não é desculpa, meu bem. Estou muito tranquila com a minha decisão e escolhi não esconder porque estou em paz e ciente que não estou a fazer nada grave, nem a colocar a vida de ninguém em risco. O que ainda me impressiona é o quanto esta rede social é tóxica e as pessoas amarguradas”, disse no Twitter, citada pelo Metrópeles.

Bruna explicou também que não havia risco de infeção por Covid-19, uma vez que todos tinham sido submetidos a testes. “Todos testados diversas vezes, a maioria está com anticorpos no atual momento, os funcionários da ilha estariam na ilha com ou sem a nossa presença, ninguém foi de avião ou encontrou pessoas no deslocamento até a ilha, enfim, está tudo certo”, informou. A revista Quem aponta que a ex-namorada de Neymar está numa ilha em Angra dos Reis, no Brasil.

Eu acreditava no isolamento e coloquei em prática, saímos do isolamento e entrámos no distanciamento social que eu também acredito e coloco em prática”, acrescentou.

Reprodução Instagram, DR