Luciana Abreu

Luciana Abreu

Há cerca de uma semana, o tribunal decidiu que a guarda das gémeas Amoor e Valentine, de dois anos e meio, seria partilhada, o que significa que deveriam passar 15 dias com a mãe, Luciana Abreu, e outros 15 com o pai, Daniel Souza. Além disso, determinou ainda que o guia turístico ficava obrigado ao pagamento de uma pensão de alimentos, no valor de 230 euros por cada criança, perfazendo um total de 460 euros mensais. Uma quantia que fica muito aquém do pedido pela artista - 800 euros por cada menina – revelou a revista TV7 Dias.

>> TRIBUNAL DECIDE GUARDA DAS GÉMEAS DE LUCIANA ABREU E OBRIGA PAI A PAGAR PENSÃO DE ALIMENTOS

Luciana Abreu com as filhas Lyonce, Lyanii, Amoor e Valentine

Luciana Abreu com as filhas Lyonce, Lyanii, Amoor e Valentine

Reprodução Instagram, DR

Contudo, parece que não será assim tão linear, já que Daniel Souza, que se mudou para a América do Sul com a nova namorada, não vê as filhas há oito meses. “A situação da Covid-19 agravou-se muito a partir dessa altura. Andar a fazer viagens tão longas e correr o risco de expor as filhas à doença levou o Daniel a precaver-se. Nessa altura, existiam muitos surtos no Norte e ele abriu mão de estar com elas e pensar no seu bem-estar. Optou por deixar as meninas com a mãe e as irmãs mais velhas. Elas estão com as rotinas delas, na escola, e felizes ao pé das irmãs. No momento que se vive é melhor não perturbar isso”, explica uma fonte próxima do ex-casal à revista TV Mais.

>> EX-MARIDO DE LUCIANA ABREU ASSUME NOVO RELACIONAMENTO

De referir que, embora Luciana e Daniel estejam separados desde o início de 2019, o processo de divórcio ainda decorre em tribunal. No próximo dia 21, os dois deverão comparecer novamente em tribunal para que a separação seja oficializada.

A atriz da SIC, que atualmente podemos ver na pele da bailarina Tina na novela Terra Brava, também é mãe de Lyonce, de nove anos, e Lyannii, de oito, nascidas do seu primeiro casamento, com o ex-futebolista Yannick Djaló.