Morreu Maria José de Basto, célebre atriz com mais de 80 anos de carreira, esta quarta-feira, em Lisboa, aos 92 anos, revelou à Lusa fonte próxima da família. A filha, a atriz Rita Ribeiro, deixou uma mensagem nas redes sociais.

Maria José de Basto participou em inúmeras produções televisivas como "Um Amor Feliz", "Giras e Pirosas", "Chuiquititas e "Meu Amor".

Ainda em criança estreou-se em palco ainda criança, em 1933, na revista "Pernas ao Léu", da companhia de Luísa Satanela. "Este foi o poema que sempre me disse ao ouvido e sempre esteve entre nós! Eternamente grata! Eternamente Amor!", escreveu a atriz numa imagem onde surge ao lado da progenitora, juntamente com o poema em questão (leia abaixo)

Maria José tinha um tumor na cara, segundo a filha, e encontrava-se nos cuidados paliativos de uma unidade de saúde.

Passou por mais de 20 companhias de teatro e, segundo a Lusa, estudou autores como Shakespeare, Dostoievsky, Turgeniev, Tchekhov, Eugene O'Neill, Paula Vogel, Casona,Gil Vicente, entre outros.