Reprodução Instagram, DR

Tatiana Oliveira e Bruno Fernandes formaram um dos casais mais queridos da segunda temporada de Casados à Primeira Vista. Porém, após o fim do programa da SIC, o casal decidiu seguir caminhos separados, tendo oficializado o divórcio em janeiro deste ano. Entretanto, cerca de dois meses depois, Tatiana e Bruno surpreenderam tudo e todos ao anunciar que pretendiam voltar a subir ao altar.

O casal tenciona voltar a trocar alianças a 8 de agosto – tal como aconteceu no programa da SIC -, mas, com o adiamento e cancelamento dos casamentos devido à pandemia de Covid-19, não sabem se tal será possível.

"Neste momento ainda está em stand by. Estamos a ver se conseguimos ou não. Gostávamos que fosse este ano. Se não for este será para agosto do próximo ano", contou Bruno, em declarações à revista Nova Gente.

>> Bruno, de 'Casados à Primeira Vista', mostra cumplicidade entre Tatiana e o seu filho <<

À publicação, o jovem de Vila do Conde falou ainda sobre o desejo de aumentar a família. "Pensamos nisso… esta semana até fizemos o teste de gravidez porque estava tudo atrasado mas ela não está grávida".

A viverem juntos há cerca de dois meses, a vida conjugal não poderia estar a correr da melhor forma. "Está a ser melhor do que aquilo que eu imaginei. Damo-nos muito bem. Nunca pensei que a Tatiana tivesse tanto jeito para ser mãe. Está a ser incrível. É a Tatiana que leva ao infantário e consultas médicas. Está a acompanhar em tudo o Afonso", contou, acrescentado que a noiva e o filho estão a entender-se às 'mil maravilhas'.

"Estava com receio que o Afonso tivesse algum ciúme mas não. Adora a Tatiana. Essa situação da covid-19, que nos fez ficar dois meses em casa ,uniu ainda mais a nossa relação, entre mim e a Tatiana e entre ela e o Afonso. É engraçado ver a cumplicidade que eles têm. Até sinto que sempre foi a mãe do Afonso", rematou.