Sara Carbonero e Iker Casillas

Sara Carbonero e Iker Casillas

A fim de evitar qualquer especulação, Iker Casillas emitiu um comunicado no Twitter a confirmar que a sua casa do Porto foi alvo de buscas no âmbito da Operação Fora de Jogo, que investiga crimes relacionados com negócios no futebol profissional.

“Esta manhã, as autoridades lusas vieram a minha casa no Porto, tal como foram a outras 76 casas de sociedades desportivas, jogadores e clubes, para pedir os meus documentos. Estou à sua total disposição. A transparência é um dos meus princípios”, escreveu no Twitter, onde também garantiu estar “absolutamente tranquilo”.

Sara Carbonero e Iker Casillas

Sara Carbonero e Iker Casillas

Getty Images

A Procuradoria-Geral da República (PGR) já explicou que em causa estão “suspeitas da prática de factos suscetíveis de integrarem crimes de fraude fiscal qualificada e branqueamento de capitais”. As SAD de Benfica, FC Porto, Sporting, Sporting de Braga e Vitória de Guimarães também confirmaram a realização de buscas, de acordo com os diários desportivos nacionais.

Iker Casillas chegou ao Futebol Clube do Porto em 2015, depois de ter feito toda a sua carreira no Real Madrid e representou os azuis e brancos no mês passado, quando anunciou a sua retirada dos relvados. Esta vinda para Portugal implicou também uma grande mudança para a sua mulher, Sara Carbonero, que trocou Madrid pela Invicta e deixou a sua carreira televisiva em segundo plano para acompanhar de perto o ex-guarda-redes e os dois filhos de ambos, Martín e Lucas, de cinco e três anos, respetivamente.