1 / 4

Reprodução Instagram, DR

2 / 4

Reprodução Instagram, DR

3 / 4

Reprodução Instagram, DR

4 / 4

Reprodução Instagram, DR

Bastet Cabeleira foi condenada por maus-tratos a animais, avança o Correio da Manhã. A condenação surge cerca de duas semanas depois de Maya ter acusado a ex-mulher de João Cabeleira de maltratar os seus cães, deixando-os com fome, na rua e em precárias condições de higiene. A apresentadora de televisão denunciou a alegada negligência nas redes sociais e esclareceu que quem mora na habitação em causa, na Costa da Caparica, é uma cara bem conhecida dos portugueses.

A veterinária municipal de Almada e o Serviço de Proteção da Natura e do Ambiente confirmaram que os animais já estão bem, mas que Bastet foi multada entre 200 a 400 euros.

>> IRA desmente João Cabeleira: "Animais mal nutridos, rodeados de fezes com vários dias e sem água <<

De acordo com o Correio da Manhã, a coima foi aplicada devido à quantidade de cães que tinha na sua residência e devido à ausência de microchip. Segundo a legislação portuguesa, "sempre que sejam respeitadas as condições de salubridade e tranquilidade da vizinhança, podem ser alojados por cada apartamento, tanto nas zonas urbanas como nas rurais, até três cães ou quatro gatos adultos, não podendo no total ser excedido o número de quatro animais". Quanto ao chip, este deve ser colocado em "todos os cães, gatos e furões (considerados animais de estimação pelas entidades europeias)", após serem vacinados contra a raiva.

Recorde-se que até ao momento, a bailarina tinha negado todas as acusações, alegando que as imagens tinham sido manipuladas.