Diogo Carmona

Diogo Carmona

Instagram

Há muito tempo que a relação entre Diogo Carmona, agora com 22 anos, e a mãe é atribulada e o jovem ator até já acusou Patrícia Carmona de lhe roubar todas as suas poupanças. Sabe-se agora que há vários processos a decorrer em tribunal, nomeadamente de violência doméstica, nos quais Diogo é acusado de violência doméstica. As queixosas são precisamente a mãe e a avó materna. Mas, em entrevista à TV7 Dias, o artista também as acusa de roubo e de contraírem dívidas em seu nome, num valor que ronda os 200 mil euros.

À mesma publicação, Diogo Carmona contou que a relação não melhorou durante o internamento que se seguiu à amputação do seu pé, depois de ter sido colhido por um comboio.

Face a tudo isto, Patrícia Carmona decidiu emitir um comunicado a esclarecer a sua posição. “Tal como tem sido a minha postura até aqui, continuo a acreditar que os problemas da família devem ser resolvidos no seio da mesma. Como tal, não vou alimentar nem me vou pronunciar publicamente sobre a situação do meu filho e a nossa relação”, começa por escrever.

“Como sempre, jamais farei alguma coisa ou comentário que de futuro o possa prejudicar e mantenho a coerência no que toca ao que sinto e que todos vivemos de dor e cansaço. Esta foi e será a minha posição perante tudo quanto vem a público acerca do meu bom nome. Sou uma mãe que sempre deu ao seu único filho o que devia: amor, educação, apoio e respeito”, prossegue, antes de agradecer a forma como tem sido tratava pela imprensa: “Desde já aproveito para agradecer a forma humana, sensível e respeitosa como tenho sido abordada por toda a comunicação social nesta situação tão delicada. Entendo que estão a fazer o vosso trabalho que sempre respeitei e respeitarei. E por isso senti que chegou a altura de vos deixar este breve comunicado”.

Diogo Carmona com a mãe, Patrícia Carmona

Diogo Carmona com a mãe, Patrícia Carmona

Instagram

A primeira sessão em tribunal no âmbito do processo de violência doméstica em que Diogo Carmona é acusado pelo Ministério Público estava marcada para o dia 4 de fevereiro, mas acabou por ser adiada. Na origem desta acusação estará uma violenta discussão entre o ator, a mãe e a avó materna, que o obrigou a passar uma noite na prisão. Tudo isto terá acontecido dois dias antes Diogo ser colhido por um comboio na linha de Cascais. Atualmente a reaprender a viver após o internamento e a amputação do pé esquerdo, o jovem vive com os avós paternos.

Diogo Carmona estará à conversa com Júlia Pinheiro esta sexta-feira, dia 7, no programa Júlia para contar a sua versão dos factos. Não perca!

Diogo Carmona com os avós paternos

Diogo Carmona com os avós paternos

Reprodução Instagram, DR