Reprodução Instagram, DR

Reprodução Instagram, DR

Já muita tinta correu sobre a vida amorosa de Luciana Abreu. No início deste ano, várias publicações avançaram que o casamento da artista com Daniel Souza estaria em rotura, mas os rumores foram negados pela própria. Depois da polémica e, talvez, numa tentativa de apaziguar os ânimos, Luciana afastou a hipótese de que estaria em vias de separar-se, através de publicações nas redes sociais.

Hoje, dia 25 de março, a derradeira resposta viu a luz do dia: Luciana Abreu e Daniel Souza vão divorciar-se. O anúncio chegou a público pela mão da cantora, através de um comunicado redigido na sua conta pessoal de Instagram.

Nas linhas que dirige aos seguidores e fãs, começa por falar nos limites da condição humana e dos seus, enquanto mulher: “Tudo na vida tem limites, a começar pela própria vida. No amor, o limite é o respeito e a nossa dignidade", acrescentando: "Aprendi a nunca deixar que o que dizem sobre mim afete quem eu sou".

A artista de 33 anos esclarece que deu entrada no processo de divórcio: "Para evitar rumores, mal-entendidos, subentendidos e maledicências, entendi por oportuno informar e esclarecer que tenho em curso a dissolução do meu casamento, pelo que se encontra a decorrer o processo legal do meu pedido de divórcio" e encerra o texto que fala do final da sua relação com um pedido de consideração pela sua vida íntima: "Agradeço o vosso respeito".

De recordar que as gémeas Amoor e Valentine - que nasceram prematuras após terem sido diagnosticadas com uma condição grave de saúde - são fruto da agora terminada relação. Percebe-se, agora também, por que razão o pai das meninas não surge nas fotografias da festa de aniversário de Lyannii Viiktórya, filha de Luciana e de Yannick Djaló.

Reprodução Instagram, DR

Reprodução Instagram, DR