DJ Mastiksoul

DJ Mastiksoul

Reprodução Instagram, DR

Fernando Figueira, conhecido no mundo artístico como Mastiksoul, foi condenado esta terça-feira, 20 de julho, o tribunal de Torres Vedras, a uma pena de dois anos e três meses, suspensa por igual período, por violência doméstica contra a ex-companheira.

O DJ de 44 anos está ainda proibido de se aproximar a menos de 500 metros da vítima e obrigado a frequentar um curso de reabilitação de agressores, uma informação avançada pelo Correio da Manhã.

Mastiksoul tem que pagar à ex-companheira, com quem viveu sete anos, uma indemnização de 2500 euros, para além dos custos judiciais.

Entretanto, o DJ já reagiu nas redes sociais emitindo um comunicado: "Venho pelo presente, no âmbito do meu direito de resposta à noticia veiculada na imprensa na data de hoje, referir que a mesma contém informações que não correspondem à verdade dos factos, que em sede própria serão devidamente esclarecidos e diz respeito a um processo que se encontra em fase de recurso, vigorando até ao transito em julgado da decisão final o princípio da presunção de inocência, direito que me assiste, aguardando serenamente pela decisão que venha a ser proferida pelos Tribunais Superiores", lê-se.

"Assim, peço a toda comunicação social que aguarde pela conclusão do processo, por respeito a minha familia e em especial aos meus filhos menores que merecem ser protegidos e ter uma vida emocionalmente estável", rematou.