Amanda Edwards

Durante uma entrevista, Nick Cannon fez uma revelação que não deixou ninguém indiferente: "Os meus filhos têm medo da polícia", disse, referindo-se aos gémeos Moroccan e Monroe, do anterior casamento com a cantora Mariah Carey, e Golden “Sagon”, fruto da antiga relação com Brittany Bell.

"Eu tento ensinar a não temer. Eu tento ensinar: 'Tens um poder dentro de ti que não precisas temer nada'. Mas quando eles veem a energia dos agentes da autoridade, é como se fosse: 'Aí vem a polícia'", afirmou.

"Essa mentalidade de 'senta-te em linha reta e não fales, mantém as mãos onde eles podem vê-las' , essas são coisas que eu converso com uma criança de três anos e crianças de nove anos", contou. E acrescentou: "É doloroso ter essas conversas com os teus filhos, mas no final do dia tu queres é protegê-los."

O comediante lembrou ainda que, durante a sua infância, quando a polícia ia ao seu bairro nunca era uma boa experiência. "E é por isso que digo que precisamos repensar e reestruturar o que é a aplicação da lei, especificamente nas nossas comunidades", afirmou.

"Estou pronto para colocar a minha vida em risco por isso, porque não há nada mais importante para a minha comunidade, nada mais importante para a minha família, nada mais importante para mim, do que evocar mudanças de maneira realista", disse.

Nick Cannon foi uma das celebridades a estar nos protestos que tiveram inicio após a morte de George Floyd, em Minneapolis. Um dos polícias colocou o joelho no pescoço do homem de 46 anos por vários minutos, mesmo quando George apelou: "Não consigo respirar".