1 / 2

Instagram

2 / 2

Instagram

Mesut Özil casou-se esta sexta-feira, 7 de junho, com a ex-modelo e ex-Miss Turquia Amine Gülse. A cerimónia de sonho teve lugar num luxuoso hotel de Istambul e a polémica instalou-se quando as fotografias divulgadas nas redes sociais mostraram que entre os convidados estava o presidente turco Recep Tayyip Erdogan.

Isto não está a ser visto com bons olhos pelos seus compatriotas alemães, que lhe têm tecido duras críticas. O jogador do Arsenal optou por não comentar a polémica e preferiu focar-se no lado mais solidário desta festa, já que pediu aos convidados que, em vez de oferecerem presentes aos noivos, fizessem uma doação para ajudar uma instituição que apoia crianças em risco de exclusão social.

De referir que a noiva tem raízes turcas, apesar de ter nascido e crescido na Suécia. Depois de se ter destacado no mundo da moda, faz agora sucesso na televisão nacional, como atriz. Özil, por sua vez, nasceu e cresceu na Alemanha, mas tem descendência turca e já confessou várias vezes sentir-se discriminado no seu próprio país por causa disso. Esse terá sido, aliás, o fator decisivo no momento de abandonar a seleção alemã, no ano passado, após o Campeonato do Mundo de Futebol.