Foi durante uma conferência de imprensa em Telavive, em Israel, Conan Osíris revelou mostrar-se frustrado com a produção do festival de música. João Reis Moreira falou sobre as críticas que recebeu, particularmente de Portugal.

"O ensaio foi uma m***a", disse o cantor português em conferência. Numa entrevista ao site Espalha Factos o cantor assumiu estar "chateado" com o resultado do segundo ensaio. "Do primeiro ensaio para agora, nós já pedimos mais luz. E especificámos tudo o que queríamos, já tínhamos especificado antes, quatro vezes, e esses elementos ainda não apareceram. E ainda por cima, para ajudar à festa, o áudio não foi aquele com que tínhamos feito o soundcheck e então todo este conjunto de situações fez com que nós achássemos que o ensaio estava grande m***. O mix que ouvimos era diferente do que tínhamos arranjado", comenta em declarações ao site.

"É um bocadinho triste ver que estamos a receber elogios e embracement [acolhimento] da Europa, dos outros concorrentes e as críticas estão a vir de Portugal, de onde nós esperávamos que viesse o maior suporte. E isso é que nos magoou mais, mas estamos ainda fixos no nosso ponto e acreditamos naquilo que desenhámos" disse o bailarino que acompanha o cantor de Telemóveis, João Reis Moreira.

A criação verde esmeralda, de Luís de Carvalho, e que contrasta com o fundo vermelho (alusivo à bandeira portuguesa), irá manter-se nos planos.