Joana Ornelas e Bruno de Carvalho

Joana Ornelas e Bruno de Carvalho

Divulgação

Bruno de Carvalho esteve à conversa com Cristina Ferreira a propósito do lançamento do seu livro Sem filtro - As Histórias dos Bastidores da Minha Presidência e um dos temas abordados foi o seu casamento com Joana Ornelas, celebrado em junho de 2017 e que chegou ao fim cerca de um ano depois.

“O fim do meu casamento é, de facto, a minha maior desilusão”, começa por reconhecer o antigo presidente do Sporting, antes de adiantar: “Todos nós fazemos apostas na vida e aquilo era uma aposta pessoal, que não correu bem, não correu, de todo, como eu gostaria que tivesse corrido”.

No livro, Bruno de Carvalho diz que Joana Ornelas se “casou com o presidente do Sporting e não com o homem”, o que Cristina Ferreira considera “uma acusação feia”, mas o antigo líder leonino rebate: “Senti a necessidade de transmitir [isso] às pessoas, porque as pessoas também têm o direito de saber aquilo que se passou. Não há nenhum líder no mundo que consiga viver num constante turbilhão. Tem que ter sempre um porto de abrigo e eu não tive um porto de abrigo. Não é para me retirar culpas, mas eu não tive um porto de abrigo (…) [Senti isso] quando comecei a ter problemas graves e não tive apoio absolutamente nenhum. Porque nos bons momentos estamos todos bem, não é aí que conhecemos as pessoas, nós conhecemos as pessoas nos maus momentos (…) [A Joana] não estava minimamente interessada no que se estava a passar e nunca esteve lá para mim. Nunca”.

Para defender melhor a sua ideia, Bruno de Carvalho cita um comentário de Cláudio Ramos feito num programa de televisão em que terá dito: “Eu acho que a Joana se deslumbrou”. “Eu acho que foi isso”, concluiu o antigo presidente do Sporting Clube de Portugal.

Confrontado com o facto de, alegadamente, não falar com nenhuma das suas ex-companheiras, Bruno de Carvalho garante “não é verdade” e diz manter uma boa relação com Irina Yankovich, com quem teve uma filha, Ana Catarina, de 15 anos, e com Cláudia Dias Gomes, mãe da sua filha Diana, de quatro anos. Quanto a Joana Ornelas, assumiu que não existe qualquer contacto e que não vê a filha que têm em comum, Leonor, de nove meses, há cinco.

Veja aqui o que Bruno de Carvalho falou sobre a filha Leonor que não vê há cinco meses.