No passado dia 1 de fevereiro, José Alberto Carvalho dirigiu-se ao Hospital da Luz, em Oeiras, apresentando queixas de intensas dores de cabeça. Terá sido na sequência de uma enxaqueca que o pivô de televisão se viu obrigado a deslocar-se ao hospital onde acabou por ficar internado.

Na primeira avaliação médica, os profissionais de saúde detetaram um défice neurológico compatível com o de um AVC (acidente vascular cerebral) e, assumindo a gravidade do quadro, foi solicitada a transferência do jornalista - como doente prioritário - para o Hospital da Luz em Lisboa.

O resultado da ressonância magnética explicou que a forte enxaqueca que provocou a alteração dos valores neurológicos teria sido, afinal, provocada por um ataque de pânico. José Alberto Carvalho ficou internado até ao dia seguinte e, por indicação médica, precisou de descanso nos primeiros dias após o sucedido - o que o fez afastar-se do "Jornal das 8".

Recentemente, o jornalista de 51 anos perdeu Maria José Nunes, uma das suas melhores amigas com quem trabalhou na SIC, RTP e TVI, e poderá ter sido esse um dos motivos para o abalo que sentiu.