Esta quarta-feira, no programa Queridas Manhãs, da SIC, Diogo Carmona deu pela primeira vez uma entrevista depois de acusar a mãe de lhe ter roubado milhares de euros e relatado um episódio de violência com os avós.

Tem apenas 21 anos, mas já conta com 16 de carreira. Diogo Carmona começou a trabalhar aos cinco anos, ainda sem saber ler, e foi nessa altura que a mãe lhe abriu uma conta no banco. Veja a entrevista completa acima!

"Lembro-me perfeitamente de ela dizer, 'isto vai ser para ti'", começou por dizer. Perto dos 19 anos, Diogo Carmona chegou ao banco e descobriu que nunca tinha sido depositado nenhum valor. Das perguntas que fez à mãe, nunca obteve "uma resposta direta", garante.

Em causa estariam milhares e milhares de euros. A quantia? O jovem afirmou que era suficiente para estudar no estrangeiro e ter a sua independência. "Sinto-me defraudado", depois de saber que, alegadamente, o dinheiro terá também sido incluído nos gastos de casa.

Hoje tem outra perspetiva. Reconhece que Patrícia Carmona "foi uma boa mãe", mas não esquece que o roubo o afetou. Atualmente , os dois têm uma relação fria. "Se não posso confiar na minha mãe, em quem posso confiar?", questiona.

Sobre os avós, o jovem ator diz que a relação ficou "tremida". Diogo vivia em casa deles quando descobriu que a conta bancária estava a zero. As discussões em casa começaram a ser frequentes e houve um episódio de violência. "Ligaram para a polícia e quando chegaram ao local consideraram-me como vítima", recorda o momento.

No mesma altura, Diogo Carmona ficou "muito em baixo" e mãe terá mandado uma carta a um médico. "Fui a uma consulta e não era uma consulta", diz, antes de explicar que ficou logo internado. Na altura, o diagnóstico apontou que poderia sofrer de borderline ou distúrbio de personalidade.

Este é o argumento usado pela mãe, que o jovem confirma, mas que reafirma que o último diagnóstico concluiu que, atualmente, nada se passa de errado com o jovem ator.

Hoje, Diogo Carmona vive em casa de um amigo. Está à procura de trabalho e deseja conquistar independência e estabilidade. Sobre a possibilidade de ainda ser possível conversar com a mãe o jovem disse apenas "não sei".

Leia aqui, o texto inteiro da acusação de Diogo Carmona que foi manchete na imprensa e a primeira reação da mãe, aqui.