Reprodução Instagram, DR

Quase um ano depois da morte de Pedro Lima, no dia 20 de junho, Anna Westerlund partilhou com os seguidores que vai ter um novo hobby, que para si e para a família é mais do que um paixão: o Surf.

A ceramista partilhou uma fotografia do filho, Max, de onze anos, que é "a cara chapada do pai", a praticar suf. "Adoro ver o Max a surfar, a ver crescer nele a mesma paixão e ligação que o pai tinha ao mar", começou por escrever.

"Confesso que às vezes refilava (raramente!) quando o Pedro passava a manhã toda no surf. Mas acho que no fundo era uma certa inveja boa dessa paixão. Saudades de o sentir levantar-se ainda de noite para ser dos primeiros a entrar no mar. Chegava a casa com creme, sal e sol na cara e uma energia renovada, porque a àgua, as ondas e as conversas no mar têm esse poder", recordou.

"Apesar de algum medo do mar decidi que este verão vou aprender a surfar, para me superar, porque o surf faz parte da nossa vida e porque não quero perder essa ligação", revelou. Por fim, Anna citou uma famosa frase de Jonatan Mårtensson: "Os sentimentos são como as ondas, não podemos impedi-los de chegar, mas podemos escolher em qual surfar.”

Reprodução Instagram, DR