Reprodução Instaram, DR

Angélica Jordão está a viver dias de muito sofrimento. Depois de perder a filha, Lua, às 23 semanas de gestação, a irmã de Mel Jordão viu as urnas com as cinzas da bebé serem roubadas. Depois de vários apelos desesperados, Angélica recebeu muitas informações falsas, comentários maldosos e até começou a circular no início do mês um anúncio macabro.

Dada a situação frágil em que se encontra, Angélica afastou-se das redes sociais. Porém, esta segunda-feira, dia 7 de junho, partilhou uma fotografia onde mostra a tatuagem que ela e o marido, Jacob Kane, fizeram como homenagem.

Angélica ja tinha mostrado a tatuagem mais ao pormenor com a imagem de uma criança com asas de anjo deitada sobre a lua. "Together (juntos, em português)", escreveu na legenda da fotografia.