Katia Aveiro voltou a responder às críticas de que a acusam de depender de Cristiano Ronaldo, mas desta vez foi mais longe. A empresária que mora no Brasil não refere apenas a questão da independência financeira, mas também o facto de, alegadamente, não ter direito a uma opinião.

»» KATIA AVEIRO REAGE DE FORMA POLÉMICA A INFEÇÃO POR COVID-19 DE RONALDO: "É A MAIOR FRAUDE QUE ASSISTI"

“Aos olhos de muita gente (desgovernada) sou irmã de um jogador famoso, logo sou uma inútil, não posso ser uma empresária bem sucedida porque tenho um irmão famoso, não posso mostrar autoestima e segurança porque sou irmã de um famoso, não posso ter decisões sociais ou opinião pública porque sou irmã de um jogador famoso… Isso deu-me um atestado de inútil…“, escreveu sobre a pressão que recebe nas redes sociais.

»» KATIA AVEIRO FAZ REFLEXÃO SOBRE NÃO CONCLUIR ESTUDOS: "SOU O EXEMPLO DE QUE NÃO É PRECISO CURSO DE LETRAS PARA SER MAIS QUE ALGUÉM"

No seu Instagram, a empresária partilhou de seguida vários comentários que nas suas redes que motivaram o seu testemunho. Todos eles defendiam que o seu percurso profissional se devia ao sucesso do jogador da Juventus.

Com ironia, Katia Aveiro adianta que a sua atividade é ser "irmã de uma celebridade mundial".