Reprodução Instagram, DR

Com o aumento do número de casos de Coronavírus em Portugal e no dia em que Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou o Covid-19 como pandemia, Cristina Ferreira manifestou-se nas redes sociais, enquanto mãe, cidadã e profissional, sem esquecer de salientar a atuação das autoridades nacionais de saúde.

"Como mãe queria muito que tivessem dito que encerravam as escolas. Como profissional gostava muito de amanhã trabalhar a partir de casa. Como cidadã tenho apenas o dever de cumprir aquilo que é estipulado por quem nos dirige e sabe mais do que eu. Estamos a atravessar uma pandemia. Como disse o Rodrigo estamos todos no mesmo barco e não sabemos para onde vai. Cumpramos. Pensemos. Em nós e nos outros. E enviemos força a uma quantidade imensa de profissionais que estão a dar o seu melhor. Correndo riscos. Acabou agora a conferência de imprensa com a dra Graça Freitas e a ministra Marta Temido. Imaginemo-nos no lugar delas. Só lhes devo um obrigada", escreveu.

Recorde-se que como forma de prevenção de um eventual contágio, O Programa da Cristina deixou de ter público presente em estúdio.