Rita Ferro Rodrigues

Rita Ferro Rodrigues

Instagram

“Pensei muito antes de fazer este post porque há muito que a minha forma de estar nas redes sociais é de ignorar as mensagens de provocação e ódio (são poucas) e valorizar as mensagens positivas - que são em muito maior número. Acontece que sinto -me na obrigação de fazer este esclarecimento depois de ter visto as stories da @nenny__on que foi uma das entrevistadas mais surpreendentes que tive no Elefante de Papel pela sua maturidade (tem apenas 17 anos), sensibilidade, força, determinação, inteligência, educação, autenticidade.

Parece que algumas pessoas se chocaram com a forma como a @nenny__on fala. Apesar de não ter dito, em momento algum, um palavrão sequer. A @nenny__on falou comigo como fala com os seus amigos - e eu senti-me tão honrada com isso! E só me disse coisas bonitas, profundas e especiais. Usou expressões que os meus filhos utilizam e que me fizeram sorrir.

A língua não é um território sagrado, é um corpo vivo e em permanente alteração (por isso mesmo a palavra bué foi incluída, há uns anos, no dicionário português). As maiores ofensas que são ditas neste nosso mundo, são ditas com palavras ‘caras’, discursos frios e articulados vindas de cérebros premeditados e hipócritas.

Existissem mais @nenny__on com os seus yas e bués e o coração cheio de amor e o mundo era tão mais fixe.

Miúda, ‘vai drenar com os teus tropas’ e foca-te na quantidade esmagadora de pessoas que como eu, ficaram a gostar muito de ti e a torcer por um futuro que já se adivinha brilhante.

Beijos da tua amiga, Rita ️”, escreveu Rita Ferro Rodrigues no Instagram, a propósito da última entrevista para o seu site, Elefante de Papel.

Nenny

Nenny

Instagram

Também Nenny abordou este assunto nas Stories. Veja a resposta da jovem às críticas: