Getty Images

Na última sexta-feira, 8 de outubro, Charlene do Mónaco foi submetida a uma nova cirurgia devido à infeção no nariz, ouvidos e garganta que a tem mantido retida na África do Sul desde maio. Entretanto, após a intervenção cirúrgica, o Palácio Grimaldi confirmou à revista Hola que a operação "correu muito bem" e que a princesa monegasca esteve durante 48 horas sob observação.

A mulher do príncipe Alberto do Mónaco rumou até à África do Sul, seu país natal, no passado mês de maio para participar numa campanha contra a caça furtiva de rinocerontes. Porém, a infeção que contraiu impediu-a de regressar ao Mónaco, tendo sido submetida a vários tratamentos e três cirurgias.

De salientar ainda que a permanência de Charlene na África do Sul levantou rumores de separação. Rumores, esses, que o próprio príncipe Alberto do Mónaco já desmentiu.

Recorde-se que entre o final de agosto e início de setembro, Alberto do Mónaco viajou para a África do Sul, na companhia dos filhos Jacques e Gabriella, para visitar a mulher. Um momento que Charlene do Mónaco fez questão de partilhar com os seus seguidores nas redes sociais através de vários registos fotográficos.