João Baião está de parabéns. O apresentador celebra esta sexta-feira, 8 de outubro, 58 anos. Para comemorar esta data especial, o comunicador entrevistou, num teatro, os dois pilares da sua vida: os irmãos, Maria do Rosário Baião e José Baião. A entrevista foi emitida no programa 'Júlia', da SIC, e está recheada de emoção e revelações de infância.

Durante a conversa, João Baião explica que é "um dia agridoce", um vez que os pais, Severino Ferraz e Maria Luísa, morreram na véspera do seu aniversário, que partilha com a irmã gémea. Falando sobre os últimos momentos da mãe, o apresentador recordou que houve um momento que o marcou profundamente: "Houve uma coisa que me marcou um bocadinho, já no estado em que a mãe estava, muito débil, em que eu estava no hospital e eu dizia-lhe sempre 'Mãezinha, tenho muito orgulho em si. Amo-a muito'", começou por contar.

"Foi uma coisa que me marcou imenso. E ela virou a carinha e disse: 'Oh, agora? Só agora é que dizes isso?'", contou.