1 / 4

Elsa

2 / 4

Elsa

3 / 4

PHILIP FONG

4 / 4

DeFodi Images

Bateu o recorde olímpico nas meias finais, mas acabou por ser ultrapassado pelo húngaro Balint Kopasz (3.20,643 minutos) e por Adam Varga (3.22,431), também da Hungria, na prova final dos K1 1.000 metros dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Falamos do português Fernando Pimenta.

O canoísta de Ponte de Lima terminou com 3.22,478 minutos e conquistou a medalha de bronze. Ao subir ao pódio, visivelmente emocionado, Fernando Pimenta colocou na boca a chupeta da filha, Margarida, que nasceu em dezembro.

"Quando parti para aqui já tinha a minha medalha, a medalha da minha vida que é a Margarida. E esta é mais uma. É uma medalha dos Jogos Olímpicos, a segunda. Sonhava com mais, ambicionei e trabalhei para isso. Só tenho de sair de consciência tranquila e feliz", disse em declarações à RTP.