Bloomberg

A fotografia é do ano passado, mas continua a dar que falar nas redes sociais. Trata-se do momento em que Mark Zuckerberg foi fotografado a fazer surf no Havaí com uma camada (excessiva) de protetor solar no rosto.

O CEO do Facebook revelou num direto com o CEO do Instagram, Adam Mosseri, que se tratou de uma tentativa falhada de fugir aos 'paparazzi'. “Percebi que havia um paparazzi a seguir-nos e, então, pensei, 'Não quero que ele me reconheça, então sabes o que vou fazer? Vou colocar toneladas de protetor solar no rosto ", contou Mark, citado pelo Insider. "E o tiro saiu pela culatra", acrescentou.

Mark foi inclusive comparado com a rainha Isabel II e ao personagem 'Joker' após a fotografia ter corrido a Internet de uma ponta a outra. "Eu devia ter mesmo pensado mais nisso. É muito protetor solar. Ninguém precisa usar tanto protetor solar", afirmou.

O bilionário de 36 anos diz ser "uma pessoa muito pálida" e provavelmente estava a usar um protetor à base de óxido de zinco, que não penetra na pele. No entanto, não ficou chateado por ser alvo de piadas nas redes sociais. "Não sou uma pessoa que tem a ilusão de que pareço particularmente fixe em qualquer coisa que estou a fazer", disse.