A rainha Isabel II de Inglaterra

A rainha Isabel II de Inglaterra

Getty Images

Quatro dias depois da morte do seu marido, o duque de Edimburgo, a rainha Isabel II voltou ao trabalho. Segundo o jornal Daily Mail, a monarca organizou esta terça-feira, 13 de abril a cerimónia de despedida do conde Earl Peel do cargo de Lord Chamberlain.

Earl Peel assumiu o cargo de oficial mais graduado da Casa Real durante 14 anos e supervisionou os preparativos das cerimónias fúnebres do duque de Edimburgo - operação Forth Bridge - antes de passar a responsabilidade para o seu sucessor, Andrew Parker, ex-agente e antigo diretor geral dos serviços secretos do Reino Unido, MI5.

De acordo com a revista Hola, o agora ex-Lord Chamberlain já tinha anunciado a sua intenção de deixar o cargo na primavera passada, porém a pandemia acabou por atrasar o processo.

De salientar ainda que a família de Isabel II decretou um luto real de duas semanas, avança a imprensa britânica. O funeral do marido da monarca vai realizar-se este sábado, 17 de abril, na capela de Saint George, no Castelo de Windsor.