Europa Press Entertainment

As filhas do rei emérito Juan Carlos I aproveitaram a viagem que fizeram na segunda semana de fevereiro para visitar o pai, que está a viver em Abu Dhabi desde agosto passado, para se anteciparem ao plano de vacinação em Espanha.

Assim como o rei, as infantas Elena e Cristina, de 55 e 57 anos, receberam doses da vacina Sinopharm nos Emirados Árabes, avançou o jornal espanhol El Confidencial. As irmãs do rei Felipe VI teriam que esperar meses para ter acesso a uma injeção, embora Cristina tenha residência oficial na Suiça, uma vez que não se enquadram em nenhum grupo prioritário.

Após a polémica, a infanta Elena emitiu um comunicado público. “Dadas as informações publicadas na imprensa sobre a vacinação a que fui submetida, gostaria de fazer o seguinte esclarecimento. Eu e a minha irmã viemos visitar o nosso pai e, para termos um passaporte de saúde que nos permitisse fazer isso regularmente, foi-nos oferecida a possibilidade de sermos vacinadas, o que concordámos", explicou, citada pelo Cadenaser.

"Não fosse por essa circunstância, teríamos esperado pelo plano de vacinação em Espanha", rematou.

Saiba mais em SIC Notícias.