Larry King morreu a 23 de janeiro, aos 87 anos, vítima de complicações provocadas pela Covid-19. O apresentador norte-americano excluiu Shawn King de um testamento inesperado escolhendo deixar a fortuna de mais de 1,6 milhões de euros a cinco dos seus filhos.

»» Larry King confirma morte de dois dos filhos em apenas três semanas

Shawn Southwick King terá ficado surpreendida quando soube de um testamento por parte Larry King. Segundo a People, o documento revela que o apresentador deixa o dinheiro aos filhos Larry Jr., Chance, Cannon, Andy e Chaia.

Mas há dois detalhes importantes. O documento foi escrito em outubro de 2019, antes da morte dos filhos Andy e Chaia, em 2020, e dois meses antes do apresentador pedir o divórcio de Shawn. Acontece que o processo nunca foi oficializado, apesar do pedido, e Shawn não é dada como ex-mulher.

Shawn sublinha que o casal tinham um plano familiar muito concreto e específico, elaborado em 2015, e mostrou-se confiante nas sustentação dessa tese com os seus advogados.