Há algum tempo que Alberta Marques Fernandes não surge no pequeno ecrã e assim continuará a ser. A jornalista da RTP3 falou do seu problema de saúde que a impede, para já, de continuar à frente das câmaras.

Alberta Marques Fernandes está a fazer um tratamento prolongado que deverá durar até ao verão, adiantando, sem referir de que doença se trata, que não é grave. "O tratamento deixa-me com as defesas em baixo, entre outras coisas, o que significa que tenho de estar muito mais resguardada do que as pessoas normais. Não completamente, claro. Posso muito bem sair à rua. O que tenho é de ter cuidado com a minha saúde mental. Estarei ótima na rentrée, se Deus quiser", sublinhou à TV7Dias

"Estou doente desde o final do verão", acrescentou a jornalista de 53 anos "É uma doença que se suporta bem. Os efeitos secundários da medicação, às vezes, são um bocado aborrecidos e chatos, mas aguentam-se perfeitamente. Digo-lhe uma coisa: nesta altura, é preciso relativizar tudo. Temos o país a viver uma situação de catástrofe humanitária. Neste momento, estou mais preocupada com o meu país e com o meu Serviço Nacional de Saúde do que comigo", explicou.