António Cordeiro

António Cordeiro

Facebook

O mundo do espetáculo ficou de luto no último sábado, 30 de janeiro, com a notícia da morte de António Cordeiro, aos 61 anos. Diagnosticado com Paralisia Supranuclear Progressiva - uma doença rara e incurável - há mais de quatro, o ator viu a sua saúde e a sua condição física deteriorar-se de forma bastante rápida, perdendo o controlo sobre a fala e os movimentos.

Na passada sexta-feira, dia 29, o seu estado agravou-se e deu entrada no Hospital de Santa Maria, em Lisboa, de onde já não saiu com vida.

Helena Almeida e António Cordeiro

Helena Almeida e António Cordeiro

Reprodução Facebook, DR

As cerimónias fúnebres estão marcadas para daqui a uma semana, com o velório na Capela de Nossa Senhora do Rosário, no Barreiro, onde residia, no dia 8 de fevereiro a partir das 11h30. Pelas 15h45 do mesmo dia, os restos mortais do ator seguem para o complexo funerário da Quinta do Conde, em Sesimbra, onde será cremado.

Tendo em conta as restrições impostas pela Covid-19, não haverá possibilidade de grandes despedidas por parte dos colegas e amigos que nos últimos dias lhe têm prestado homenagens sentidas nas redes sociais.

Helena Almeida e António Cordeiro

Helena Almeida e António Cordeiro

Reprodução Facebook, DR

Recorde-se que António Cordeiro estava internado na Casa do Artista desde abril do ano passado, quando a sua mulher, Helena Almeida, deixou de conseguir desempenhar sozinha o papel de cuidadora. Veja no vídeo abaixo a entrevista emotiva que deu a Júlia Pinheiro, durante a qual explicou a dureza de lidar com a doença.