FRANCOIS GUILLOT

António Costa deveria ter participado numa reunião sobre vacinas logo pela manhã, mas a notícia de que Emmanuel Macron testou positivo ao novo coronavírus alterou-lhe os planos. Os dois almoçaram juntos esta quarta-feira, 16 de dezembro, no Palácio do Eliseu, em Paris, e agora o primeiro-ministro português está em isolamento preventivo em S. Bento, à espera de orientações das Autoridades de Saúde.

Já estava previsto que António Costa fosse submetido ao teste à Covid-19 durante a tarde desta quinta-feira, dia 17, uma vez que tinha agendada para este fim de semana uma viagem oficial a S. Tomé e Príncipe e à Guiné-Bissau. A visita tinha início previsto na sexta-feira, dia 18, e terminaria no domingo. O primeiro-ministro esteve também, de acordo com o seu gabinete, durante parte da manhã a aguardar instruções para saber se a deslocação se mantinha, mesmo que o resultado fosse negativo. Sabe-se agora que a viagem foi cancelada.