Santiago Felipe

Richard Schiff testou positivo para o novo coronavírus em novembro e foi uma dura batalha. Esta quarta-feira, dia 16 de dezembro, o ator, que está em recuperação, esteve no 'Good Morning Britain' e recordou o momento assustador em que conversou com a mulher sobre a possibilidade de morte.

A estrela de 'Good Doctor' explicou que estava em filmagens em Vancouver, Canadá, quando os sintomas começaram a surgir e pioravam de dia para dia. Richard acabou por ser internado no hospital "contra a sua vontade".

O ator não seguiu as ordens do médico e lutou contra a doença com "oxigénio, remdesivir [um antiviral] e esteróides" em vez de ser colocado num ventilador numa unidade de terapia intensiva.

Casados há 24 anos, Richard e Sheila Kelley, que também testou positivo no mês passado, tiveram uma conversa séria sobre a morte depois da condição do ator ter piorado. "Tive uma conversa com a minha esposa e tive que falar sobre talvez não nos vermos novamente", disse.

"A pior parte de tudo é a epifania, dar-me conta de que podia nunca mais voltar a tocar-lhe", recordou. E acrescentou: "Precisamos ir em algum momento, mas a ideia de nunca mais tocá-la foi impressionante, mas felizmente consegui."