Sofia Aparício

Sofia Aparício

Instagram

A mãe de Sofia Aparício morreu na semana passada e esta quarta-feira, dia 18, durante uma conversa com Manuel Luís Goucha, a ex-modelo e atriz, de 50 anos, falou de como tem lidado com esta perda. “Nem sempre tivemos uma relação fácil. Não sei, se calhar éramos muito parecidas, com mundos muito diferentes. Hoje em dia tenho muito orgulho a ser parecida com ela. Sou muito exigente, correta e íntegra como ela sempre foi. No fim, nos últimos anos, ela entendeu-me. Vivemos uma história de amor tardia, mas dávamo-nos muito bem”, confessou.

A mãe de Sofia Aparício

A mãe de Sofia Aparício

Instagram

Recorde-se que, no passado, Sofia Aparício falou sobre a relação com as drogas e a forma como isso acabou por influenciar a forma como o público a vê. “Consumi drogas para me divertir. Nunca fui toxicodependente, nunca fiz nenhuma cura de desintoxicação. Não há heróis, eu não sou. Tive sorte", começou por dizer numa entrevista no último mês de março. “Não sei se, por ter assumido isto há tantos anos, onde ainda ninguém falava e as drogas eram um assunto super tabu, se por ser mulher, a imagem que as pessoas têm de mim... quem não me conhece e pensa em mim e viu uma entrevista minha, acha que sou uma grande drogada", acrescentou sem receios.

"Acho um bocado injusto. Há pessoas que vêm para a televisão dizer que são toxicodependentes, que fazem curas e que agora estão muito bem e são heróis nacionais. Eu que nunca fiz nenhuma cura sou uma ovelha negra", rematou.