Este sábado, dia 24 de outubro, o marido de Cardi B estava a fazer um direto no Instagram quando foi interceptado pela polícia em Beverly Hills, Califórnia. Razão: um transeunte terá feito queixa sobre alguém lhe ter apontado uma arma e dentro de um veículo.

Offset estava a conduzir com Marcelo Almanzar, primo de Cardi B, ao lado, quando a polícia o prendeu no local sob a acusação de porte de armas escondida e porte de arma carregada em público. O rapper não chegou a ser preso, mas foi levado para a esquadra para esclarecimentos.

No vídeo, que teve milhares de visualizações, pode-se ver Offset a dizer que não queria tirar as mãos do volante quando as autoridades lhe pediram para desligar o carro. "Disseram que vocês estavam a apontar armas para as pessoas", disse um dos polícias na gravação. Enquanto os polícias tentam abrir a porta do carro, o rapper protesta dizendo que o que estavam a fazer era ilegal. Minutos depois, a polícia acaba por conseguir abrir a porta e o artista sai do veículo.

Um fã consegue gravar o momento em que Cardi B aparece e enfrenta os polícias: "Esse é o meu marido! Porque lhe está a apontar uma arma?", gritou a rapper, enquanto estava a ser agarrada por um amigo, de acordo com o Daily Mail.

De acordo com um comunicado emitido pelo Departamento da Polícia de Beverly Hills, o incidente aconteceu enquanto o carro de Offset passava por uma manifestação de apoio a Donald Trump. Em defesa do músico, o seu porta-voz disse à revista People que um apoiante de Trump atacou Offset e este terá dito à policia que alguém provocou danos no seu carro com as bandeiras.