Reprodução Instagram, DR

Todas as relações têm altos e baixos e o relacionamento de Pink com o ex-piloto de motoros, Carey Hart, com quem se casou em 2006, não é diferente. Esta segunda-feira, dia 14, a cantora de 41 anos deixou um desabafo nas redes sociais a falar sobre como superou os problemas no casamento.

"Ele [Hart] e eu estamos nisto há muito tempo e é o nosso idealismo teimoso e implacável que nos mantém juntos", começou por escrever na legenda de uma imagem onde surge a abraçar o marido. "Casamento é terrível, é maravilhoso, é conforto e raiva. É enfadonho, aterrorizante. É amar outra criatura falível enquanto tu tentas amar a ti mesmo", continuou.

"As pessoas riem de nós porque ou estamos a zangar-nos ou estamos a rir. Reviram os olhos quando falamos de terapia, mas vou-te dizer algo: vale a pena. Tudo isso. Mesmo quando não vale. Terapia não é para pessoas fracas, para hippies ou liberais. (...) É uma lição sobre como sentar e ouvir. Como amar a ti mesmo para que a outra pessoa também te possa amar. Amo-te, amor. Estou feliz por termos conseguido chegar até esta fotografia", rematou.

No ano passado, em junho, a artista partilhou um vídeo, que pode ver abaixo, de uma conversa com a terapeuta de casais Vanessa Inn e explicou como funciona a dinâmica das consultas. "É a única razão para [eu e Hart] ainda estarmos juntos porque nós conversamos, é algo de companheiros, mesmo falando duas línguas diferentes. Precisamos de alguém para traduzir o que queremos dizer um para o outro. E, sem a Vanessa a traduzir [Hart] para mim nos últimos 18 anos, não estaríamos juntos”, confessou.

Pink e Carey Hart têm dois filhos em comum: Willow, de nove anos, e Jameson, de três anos.