David Crotty

Keanu Reeves e Alexandra Grant estão a viver um verdadeiro pesadelo. A artista plástica entrou com um pedido de ordem de restrição contra uma mulher de 67 anos, identificada pela imprensa internacional como Cathryn.

Alexandra acusou a mulher de ser "uma estranha" com uma "conduta de assédio/ameaça por meses", de acordo com documentos obtidos pelo The Blast. O mesmo site divulgou ainda que a mulher tem uma ficha policial com 74 roubos de identidade e cumpriu pena mais de uma vez, mas acabou sempre por sair em liberdade por bom comportamento.

Cathryn teria feito uso de nomes e documentos falsos que pertenciam a outras pessoas para cometer uma série de crimes. Por exemplo, terá feito compras, conseguindo empréstimos e assinado contratos usando a identidade de terceiros.

No processo, Alexandra Grant explicou que a perseguição começou quando o romance com o ator se tornou público e a mulher em questão, que mantém uma série de "contas de ódio" nas redes sociais, terá invadido a sua casa, tirado fotografias do seu carro, partilhando-as na Internet, e ainda a perseguiu em locais públicos.


"Nos últimos meses, Grant tornou-se vítima de uma conduta implacável e extrema da acusada (Cathryn), que é uma perseguidora e completa estranha. Isso incluiu perseguição, cyberstalking, ameaças, assédio e outras condutas irritantes e alarmantes", lê-se nos documentos.