Reprodução Instagram, DR

Este sábado, 20 de junho, o país acordou com uma notícia inesperada: a morte de Pedro Lima, aos 49 anos. O ator foi encontrado morto na praia do Abano, em Cascais.

Entretanto as reações à morte inesperada do ator já se fizeram sentir, incluindo a de Marcelo Rebelo de Sousa. Na página oficial da Presidência da República, o presidente português lamentou a morte do ator e dirigiu uma mensagem de condolências à família.

“Quando nos deixa alguém de quem todos gostávamos, e quando nos deixa precocemente, o choque é ainda maior.

Toda a gente gostava de Pedro Lima, desde logo pela sua simpatia natural, e pelo seu gosto pela vida, que se transmitia às personagens que interpretou e ao modo como as interpretou.

Nascido em Luanda, foi nadador olímpico por Angola, trabalhou como modelo e tornou-se uma das presenças mais constantes do panorama televisivo português, embora também tenha feito teatro e cinema, deixando sempre uma imagem de ator disponível e de colega generoso.

Apresento as minhas sentidas condolências à família de Pedro Lima, o ator de quem todos gostávamos”, pode ler-se.