Reprodução Instagram, DR

Discreta no que diz respeito à vida familiar, Sílvia Rizzo decidiu abrir o coração e fez confidências sobre a sua vida privada. Em conversa com Fátima Lopes, no programa A Tarde é Sua, a atriz falou sobre a maternidade e não conseguiu conter as lágrimas ao recordar a importância dos filhos, António, de 23 anos, e Maria, de 21, em algumas das fases mais conturbadas da sua vida.

"Foi pelos meus filhos que eu fiquei cá", confidenciou a atriz, explicando que por "mais do que uma vez" desejou "não estar cá".

Sílvia Rizzo, que habitualmente surge bem-disposta, confessou ainda que teve algumas dificuldades em adaptar-se ao mundo da representação.

>> Sílvia Rizzo revela que foi operada: "Não aguentei mais e fui às urgências" <<

"As pessoas acham que sou uma pessoa que não tem problemas porque me estou sempre a rir...Eu tive muita dificuldade em adaptar-me muitas vezes, não é fácil tu adaptares-te a este mundo quando tens uma forma de pensar diferente, não é mais, nem menos, é diferente (…) é muito difícil, não tive uma adaptação fácil no geral”, referiu, admitindo que nunca se viu como uma “estrela” e que nunca teve o sonho de fazer carreira na representação, mas sim "ir para a polícia".

Recorde-se que os dois filhos de Sílvia Rizzo são fruto da relação com o empresário António Parente, que conheceu quando se estreou em televisão, na novela Roseira Brava, em 1996.