Jessica Athayde nunca escondeu a relação difícil que teve com a progenitora mas, este domingo, no dia em que se assinala o Dia da Mãe, a atriz revelou o que a fez mudar.

Na legenda de uma fotografia onde surge com o filho ao colo, Jessica desabafou: "Saí de casa quando tinha 18 anos e nunca mais voltei. Sempre tive uma relação difícil com a minha mãe, até ao dia que fui mãe e perceber a viagem emocional que é, compreender que não existe o certo, nem o errado, e sim o melhor que conseguimos fazer. É Irónico que no meu primeiro Dia da Mãe não a posso abraçar e que, ao fim destes anos todos, foi a primeira vez que quis verdadeiramente fazê-lo.
Covid impede abraços mas não impede de lhe dizer 'I love you' (em português 'Amo-te'). E neste caso 'We love you' (em português 'Amamos-te'). Feliz dia da mãe e adolescentes parvas como eu fui, deixem-se disso, quando a vossa mãe vos disser: 'Quando fores mãe vais perceber!'. Por mais que me custe dizê-lo, é verdade".

Na caixa de comentários foram muitos os elogios à atitude da atriz, inclusive de algumas caras conhecidas como Inês Herédia, Pedro Lima e Joana Ribeiro.