1 / 4

2 / 4

3 / 4

4 / 4

Josie Harris morreu no passado dia 9 de março. A ex-namorada de Floyd Mayweather preparava-se para contar num livro os horrores vividos durante a relação com o antigo lutador de boxe.

Segundo alguns meios de comunicação internacionais, que tiveram acesso a algumas memórias escritas por Josie, a antiga companheira de Mayweather revelou que temeu pela sua vida, em vários episódios de violência doméstica.

"A dor fazia arder o meu crânio, quando olhei para cima vi Floyd. Ele segurava a parte de trás do meu cabelo, de pé sobre mim, com uma mão socava a parte de trás da minha cabeça com a outra... arrastou-me do sofá e puxou-me para o quarto", pode ler-se em alguns excertos, publicados pelo The Sun, onde revela também que os três filhos assistiam horrorizados à violência do pai enquanto este gritava: "Vou-te matar".

"Tive medo pela minha vida, sabia que precisava de pedir ajuda" escreveu, explicando que foi um dos filhos que acabou por chamar um segurança que ligou para a polícia.

Aos 40 anos, Josie foi encontrada morta dentro do carro, à porta de sua casa em Los Angeles, dez anos depois de Mayweather ter sido condenado a 90 dias de prisão por violência doméstica.

Josie Harris e Floyd Mayweather estiveram juntos de 1995 a 2010. Da relação nasceram Koraun, Jirah e Zion.