Terminou um processo que durou três anos em tribunal. Marta Leite Castro mantém a custódia da filha mais nova Caetana. Pedro Perestrelo Pinto ,ex-marido, tinha recorrido da decisão e pedido para que a menina vivesse com ele mesmo, na Bélgica.

Segundo a Nova Gente, tudo começou em 2016, após a separação do casal. Um ano depois foi instaurada uma deliberação provisória que favorecia a apresentadora. O diplomata "opôs-se e recorreu da decisão, fazendo ainda o pedido para que a filha fosse viver na capital belga", para onde se mudou, adianta a fonte à publicação.

A nova decisão assegura novamente a custódia da menina para o lado de Marta Leite Castro. A apresentadora, que conduz um programa na RTP Internacional, é mãe de Emília, de 14 anos, fruto do relacionamento anterior com o realizador Leonel Vieira.