Neymar está a ser acusado de ter abusado sexualmente uma modelo brasileira em Paris. Najila Trindade apresentou queixa em São Paulo por factos alegadamente ocorridos a 15 de maio num hotel na capital francesa. A modelo acusou o jogador de estar "alcoolizado" e, mediante violência, "praticar uma relação sexual sem o consentimento da vítima".

Entretanto, esta quarta-feira, 5 de junho, tornou-se viral na internet um vídeo em que se pode ver Najila e Neymar em clima de cumplicidade num quarto de hotel. Porém, a certa altura, os ânimos parecem exaltar-se. A jovem brasileira começa a agredir o futebolista, dizendo: "Eu vou-te bater. Sabes porquê? Ontem, agrediste-me e deixaste-me aqui sozinha”.

Segundo a imprensa brasileira, o pai do atleta terá confirmado a veracidade das imagens sublinhando que as mesmas provam a inocência do filho. “A imagem fala por si só. As pessoas conseguem ver que foi uma armadilha”, afirmou em declarações ao programa Cidade Alerta, da Record TV. O próprio garantiu, ainda, que Neymar apenas se tentou defender, uma vez que a jovem o queria agredir com uma garrafa.

Recorde-se que, perante as acusações, Neymar expôs mensagens privadas trocadas com a modelo brasileira (ver aqui).